Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Crise existencial



Quanto engano na contemplação do universo,
Quanto falsa noção de diminuição
Se a luz da imaginação ilumina a imensidão
Talvez sejamos maiores que o abrangente...
Se o dia nasce, não é pra dor,
Porque a luz alimenta a fome da alma
E uma nova aurora sempre virá
Porque o mundo gira
E volta sempre pro mesmo lugar
Mas às vezes é melhor privar-se do aroma da flor
Que vê-la se despedaçar

08/2006
Luís Carlos Costa
Enviado por Luís Carlos Costa em 02/10/2006
Código do texto: T254190
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luís Carlos Costa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 42 anos
20 textos (876 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:59)
Luís Carlos Costa