Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu Quero É Mais

Vou aceitar que eu preciso me esclarecer.
Vou confessar que a verdade não sei esconder.

Não há ninguém que seja alguém
Se não disser o que convém.

É sempre sutil você dizer o que eu quero escutar.
É infantil o que pensou você querer revelar.

Só vai ter paz quem for capaz
De proceder como os demais.

Pra ser feliz você vai ver que é importante sentir
Se o que se diz a maioria vai gostar de ouvir.

Não há ninguém que seja alguém
Se não disser o que convém.

Eu vou querer me atualizar:
Saber fingir e disfarçar.

Eu quero é mais, eu quero é mais!

Só vou querer remar rio abaixo, como deve ser.
E agora vou ganhar, pois já chega de perder.

Vou confessar que eu preciso aprender a mentir.
Vou aceitar que isso ajuda a gente a progredir.

Só vai ter paz que for capaz
De proceder como os demais.


Rio, 14/07/1967
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 03/10/2006
Código do texto: T254920

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144488 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:18)