Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seqüela

E agora
de salto e agulha
Clodo viu..vem vindo
pisando plataformas
de fustão e cetim

Já vou clareando
e vesti no meu outro
tempo
macacão verde da mata
Kuarupe

Sim
obra de um Décio
e descendo a diagonal de muitos quadrados
jovens sonhadores...Marika e mais
além de mim

Não
condenar

Coordenar
impelir reação
Collorido
laços verdes
ficando amarelos

Por mensalistas
Joses
genuino e mentor
outros
gadelhas...magalhães
sangue e sugas
citando uns e alguns

Estou azul
mais vergonha
rubor de rosas sarneis..
deixar o mar
AmiNhA ilha
pois cria
E espuma
enquanto em brumas
precisamos o amanhã
em gretas e gostas
das urnas
Tatiana Cobbett
Enviado por Tatiana Cobbett em 03/10/2006
Reeditado em 04/10/2006
Código do texto: T255375
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Cobbett
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 56 anos
586 textos (22009 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 03:53)
Tatiana Cobbett