Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ARTICULADO

Sempre arma pra tão longe
Chutando bonde, requisito silmilar
Abre células de cosmo febril
Esmeril reconfortado na indiferença
Comendo crença em feriado de Abril
Cospe, rasga, ferve, apodrece, anil
As crianças não querem ter filhos
Arrancando cílios com gestos enfadados
Chupando fadas em ventos já passados
Armando longe indestinado.
gamÉ
Enviado por gamÉ em 06/10/2006
Código do texto: T257896
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
gamÉ
Urânia - São Paulo - Brasil, 31 anos
10 textos (205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:44)
gamÉ