Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NO WAR (Não à Guerra)

São os maiores horrores
sem os ruflos dos tambores,
na guerra, desolação...
Da matança sem sentido,
do horizonte perdido,
do caos, da destruição...

Não há perfumes nem flores,
Só desespero e dores,
bombas, mísseis, explosão...
Na guerra do preconceito,
a Terra em sangue sem jeito,
crianças mortas no chão...

Final de tantos amores,
Teatro onde os atores
atiram contra a ilusão...
Um conflito interminável
contra um povo miserável
que clama por Deus em vão...

Noites frias, cobertores,
Avançam os predadores
sobre famílias, Nação...
Como deuses humanistas
oferecendo conquistas
com mortes e com perdão...

Até quando esses terrores
mis-en-cene dos autores
vão ser usados ou não,
depende de todos nós
quando houver uma só voz
das flores contra o canhão...
Ricardo De Benedictis
Enviado por Ricardo De Benedictis em 19/06/2005
Reeditado em 06/05/2006
Código do texto: T25838

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo De Benedictis
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 77 anos
1214 textos (272359 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:45)
Ricardo De Benedictis