Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIDA EMBRULHADA.

Num embrulho disforme
Coloquei minhas tralhas
Esperanças contidas,
Minhas mágoas,
As poucas coisas que tinha.
E pela estrada,
Sem ninguém para saudar,
Pus-me a andar.


Andei sem destino
A procura de um mundo
Que fosse um desatino
Para as coisas que tinha
Guardadas no embrulho
Que talvez me servissem
Na busca de um tudo
Que tão pouco fosse
Mas que a mim ajustassem.

Cheguei onde achei
Ser o mundo ideal
Parei, descansei,
E o embrulho arrumado
Pelo chão desfiz
Pensando ter encontrado
Meu mundo feliz

E no embrulho encontrei
Entre tanta desfeita
As poucas coisas que tinha.
Junto às queixas
Minhas tralhas,
Minhas mágoas,
Esperanças contidas,
Minha vida.

( D`Eu)
Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 19/06/2005
Código do texto: T25885
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20820 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:17)
Sidnei Levy