Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEMORANDO AOS PAIS

Em homenagem aos alunos da
Turma : 10º H, 2006/07

Desejo que todos os pais
desta Turma sonhadora
possam sempre mais e mais
dizer “sim” a toda hora !

Quando eu não compreender
minhas horas de aflição
pais queridos quero ter
vosso “sim” do coração.

Quando eu me esquecer
que sou filho de quem sou
pais amigos quero ver
vosso “sim” por onde vou.

Quando não tiver vontade
para o meu dever sentir
pais sinceros de verdade
um “sim” dizei-me a sorrir.

Quando eu não tiver saúde
nem forças para crescer
pais honestos na virtude
dai-me um “sim” p’ ra eu viver.

Quando eu caminhar sozinho
à procura de alguém
quero um “sim” e um carinho
de meus pais e mais ninguém.

Quando eu por desacerto
não souber minha razão
dos pais o  “sim” é por certo
a mais certa orientação.

Quando eu sentir tristeza
neste mundo tão sem jeito
o “sim” dos pais com certeza
far-me-á ver mais a direito.

Quando eu não for competente
para obter meu desempenho
um “sim” de pais bem presente
é a ajuda melhor que tenho.

Quando contas me pedirem
das minhas obrigações
os primeiros a surgirem
serão “sins” de meus paisões.

Não quero mais nada em troca
neste deserto medonho
dos pais o “sim” desemboca
no meu futuro risonho !


Frassino Machado
In ODISSEIA DA ALMA
FRASSINO MACHADO
Enviado por FRASSINO MACHADO em 10/10/2006
Código do texto: T260703
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FRASSINO MACHADO
Odivelas - Lisboa - Portugal
1601 textos (43973 leituras)
20 áudios (813 audições)
2 e-livros (19 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:40)
FRASSINO MACHADO

Site do Escritor