Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ONOMATOPEIA

ONOMATOPEIA

Ping, ping, ping, ping
tanto bate até que fura;
ploc, ploc, ploc, ploc
cai na água e se espalha;
tic-tac, tic-tac, tic-tac
eu não consigo pegar no sono;
ring, ring, ring, ring
alguém tá me chamando;
toc, toc, toc, toc
vem de lá o perna de pau;
chup, chup, chup, chup
tá gostosa esta chupeta;
chlap, chlap, chlap, chlap
o meu sorvete também tá;
blá, blá, blá, blá, blá, blá
e não cala a matraca;
piuí, piuí, piuí, piuí
quem se lembra do trenzinho;
dá, dá, dá, dá, dá, dá
o neném ta querendo;
au, au, au, au, au
tô aprendendo a latir;
ping-pong, ping-pong, ping-pong
fica com a bola que eu não quero;
snif, snif, snif, snif
manda logo a tristeza embora;
rá, rá, rá, rá
agora sim, tá bem melhor.
Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 11/10/2006
Reeditado em 23/08/2011
Código do texto: T261841

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mario Rebelo de Rezende). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
689 textos (50929 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:20)
Mario Rezende