Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sra Arueira

Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
Ou
Então foi Catarina
Que era o nome tatuado
No braço de um pescador
Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
Ou
Então foi Catarina
Que era o nome da surdina
Do piston do Anestor
Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
Ou
Então foi Catarina
Que perdendo a auto-estima
Fez chover e trovejou
Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
E foi Santa Catarina
Quem ditou
Jogue pra cima
Dê um verso ao trovador...

"Batatinha quando nasce...espalha a rama pelo chão...o amor quando se acaba...deixa  dor no coração..."

Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
E foi Santa Catarina
Quem ditou
Jogue pra cima
Dê um verso ao trovador...

Viver a vida sem garantias
Beijar todas as bocas
Incluso as que não devia
Voar
Asas imaginativas
Chorar
Lavada alegria
Amar todos os filhos
Porque o amanhã
É todo dia

Sá Arueira
Sá Arueira me chamou
E foi Santa Catarina
Quem ditou
Jogue pra cima
Nosso umbigo é provedor...
Dê um verso
Ó trovador
Nosso umbigo é provedor
Saruêrô....
Tatiana Cobbett
Enviado por Tatiana Cobbett em 20/06/2005
Código do texto: T26304
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Cobbett
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 56 anos
586 textos (22009 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:19)
Tatiana Cobbett