Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempo de esperança

Tempo de esperança,
Diversidade do sentimento.
Tu me feriste: fome,
Vi um menino sem ter o que comer, minha amargura é grande.
Tu me esmurraste: guerra,
Eles mandaram os pobres para morrer, os ricos afortunados ficaram em casa.
Tu me chutaste: injustiça,
A lei que foi aplicada com o pobre não foi a mesma que com o rico.
Tu me fizeste chorar? Não!
Tu me beijaste: esperança,
Se um acredita dois podem acreditar, se dois acreditam todos podem acreditar.
Tu me abraçaste: justiça,
Enquanto existir um justo, a justiça ainda está viva.
Tu me abençoaste: Pai
Tu que me da força para seguir.
Tu me ergueste: Espírito
Enquanto um espírito guerreiro existir, um fraco será protegido e um desleal será punido.
Web Maker
Enviado por Web Maker em 13/10/2006
Reeditado em 13/10/2006
Código do texto: T263345
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Web Maker
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 27 anos
36 textos (3368 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:19)
Web Maker