Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Então é assim que é a vida?!

Então é assim que é a vida?!
Complicada e esquisita.
Cheia de meandros e desconexa
Deturpada e, às vezes, sem pressa...

Revelando caminhos que jamais alvitrei
Caminhos toscos, tortuosos, talvez.
São muitos, milhares eu já nem sei...

Então é assim que a vida?!
Desvelada de beleza,
Semelhante como um dia qualquer.
Ligada e alvissareira pela rotina
De buscar a mesma mulher.

Espelhando o mesmo erro
Do que se pode chamar amor,
Em tantas outras já busquei o mesmo calor
Que habita em sua voz e resvala em seu sorriso.
Eu nunca acho o que quero
E já devia me conformar com isso.

São nos seus gestos, atitudes e frescor,
A rotina que busco no mais alto cabedal
Sim!! Mulher igual a esta não existe igual...

Só me resta, então, sepultar sua imagem e perene lembrança.
Esquecer que ela existe é minha única esperança
De não tropeçar de novo como um pueril desavisado
Afinal, já tenho problemas demais para estar apaixonado
Pela mesma mulher no exato momento errado!!!!!!!

Ad majora natus
Alexandre Casimiro
Enviado por Alexandre Casimiro em 16/10/2006
Reeditado em 24/10/2006
Código do texto: T266128
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Casimiro
Casimiro de Abreu - Rio de Janeiro - Brasil, 36 anos
67 textos (14583 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:49)
Alexandre Casimiro