Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Visão

Eu moro no terceiro andar.
Vidros escuros e entreabertos,
Luz apagada...
Só para te vigiar.

Mas você percebe
E nem se espanta.
Faz caras e bocas,
Vai tirando a roupa, branca,
Que já mostrava tudo.

Os sapatos,
Ah, esses você arremessa...
Senta-se no sofá com as pernas longas,
Leves e lindas, sobre o manto amarelo.
O próprio pecado.

Acende o cigarro,
Fálico e fino,
Melado de batom vermelho.
E fitando-me pelo espelho,
Como quem aguarda o fim da minha visita
Só adormece quando fecho a janela.
Silvia Arcoverde
Enviado por Silvia Arcoverde em 17/10/2006
Reeditado em 18/10/2006
Código do texto: T266709
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvia Arcoverde
Brasília - Distrito Federal - Brasil
58 textos (3621 leituras)
3 e-livros (94 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:47)
Silvia Arcoverde