Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Frio da brisa

Vai anoitecendo
E a brisa cai esfriando.
A noite chega   tudo está perdido.
Ao amanhecer
Lá vem a hora de sorrir
Mas não a vontade de rir.
É espere tem mais, a mente pergunta: Hei o que vou fazer?
Calma não se desespere você ainda pode:
Rir, sair por ai, e voltar há viver.
Ainda é tempo de:
Ir em frente, alcançar seus olbjetivos,
De correr
Atrás do que queremos.
Poets Of Night
Enviado por Poets Of Night em 19/10/2006
Código do texto: T267964
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poets Of Night
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
82 textos (10575 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:51)
Poets Of Night