Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TECLANDO NOITES INSONES

.
.



TECLANDO NOITES INSONES







Teclo mornos dedos,
estremecidos no frio
táctil da noite
congelante.
Dos poros entreabertos,
arrastados na preguiça
de tocar areia arrepiante.
Teclo desejos
fumegantes em dizer.


Teclo expor-me
nua da vontade
em expressar-me.
Sonho exaurido
da noite que espreita
instantes íntimos.


Teclo, martelo, bato, espanco,
necessidade de gritar letras.
Poesia espremida sai
em pequenas gotas farpadas.
Laranja seca, com vísceras
expostas, caixão calado no silêncio
mortal ,onde gritam apenas
 noites  que se esvaem.
Teclo!

                             
             




                                                                              RJ - 18/09/2005
                                                                                  Ivy Gomide
.
.
.
Ivy Gomide
Enviado por Ivy Gomide em 22/10/2006
Código do texto: T270684
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ivy Gomide
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
16 textos (466 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:36)
Ivy Gomide