Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Corrupção do Exílio

Minha terra tem corruptos,
onde cantam: Lula-lá;
e os urubus de Brasília:
Lula-aqui ou Lula-lá.

No céu não tem estrelas,
Nossas várzeas só têm poluição,
nossos bosques são de tábuas,
feitas para a construção.

Nesse oceano, sozinho, à noite,
mais prazer encontro aqui;
aqui não tem ladrão,
querendo me estorquir.

Minha terra tem Alckmim,
que só pensa em ganhar,
pra vender o Brasil
para quem melhor pagar.

Minha terra tem corruptos,
que só querem Alckmar,
pra lutar contra o Lula,
Lula-aqui e Lula-lá.

Não permita Deus que eu morra
sem que volte para lá,
sem poder desfrutar da revolta,
do povo a se vingar.

Michel Serpa
23 de outubro de 2006
Michel Serpa
Enviado por Michel Serpa em 23/10/2006
Reeditado em 25/10/2006
Código do texto: T271674
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Michel Serpa
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 33 anos
55 textos (1441 leituras)
1 e-livros (46 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:34)
Michel Serpa