Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noite de sexta

No meio da multidão eu te enxerguei
Tremi,suspirei
Os teus olhos perderam o brilho
Talvés apenas para mim
Foi no mesmo lugar
Naquele que comecei a sonhar
Tentei não te olhar,mas meu coração mandou
E como na primeira vez
Tua pele encostou na minha
Fraca mais uma vez me sentia
Então teus lábios me surpreenderam
E por segundos voltei a acreditar
Que aquilo tudo poderia voltar
A realidade me trouxe de volta
Triste,solitária,acordei
Outra vez do meu sonho bom
O sonho do verdadeiro amor
Borboleta da noite
Enviado por Borboleta da noite em 24/10/2006
Código do texto: T272013
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Borboleta da noite
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 30 anos
320 textos (14225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:17)
Borboleta da noite