Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Salva-me

                         SALVA-ME

O que fazer pra te esquecer, o que fazer pra deixar de pensar em ti, por favor, me diga, pois eu sozinho não sei e não consigo o que eu sei é te amar a cada dia mais, pois esse amor tem o furor de um furacão e a suavidade de uma brisa suave, tem hora que penso que ele está prestes a se transformar radicalmente em sofrimento, hora penso que nada poderá destruí-lo, hora penso que nunca te amei, hora penso que te amo e pra sempre te amarei. Se é amor não sei, mas sei que no momento que te vi, seu olhar tocou-me no íntimo da minha alma e é nesse íntimo tão sensível que você está me ferindo, nesse íntimo que só você tem acesso, suplico-te, salva-me dessa tortura, desse sofrimento, é por você que meu coração ainda bate, é por você que meu sangue ainda pulsa, é por você que ainda tenho ânimo em respirar, como explicar aos meus sentimentos que não devo te amar, pois é inevitável te ver e o meu coração não acelerar, é inevitável me dá conta da verdade e minha alma não chorar profundamente, é inevitável ouvir uma canção de amor e não imaginar nós dois, é inevitável viver e não querer-te tanto quanto se quer viver.

Tiago Alves de Sousa
Enviado por Tiago Alves de Sousa em 26/10/2006
Código do texto: T274355
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tiago Alves de Sousa
Palmas - Tocantins - Brasil, 27 anos
19 textos (2066 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:24)
Tiago Alves de Sousa