Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Livre


       Livre
 
Indomável  ser
Atlante, Asteca, Inca , Maia,
reminiscente de avançadas
civilizações espirituais.
 
Não te entregas nunca.
Não vendeste tua alma,
não te permitiste domar,
não trocaste tua vida.
 
Séculos, milênios, viveste.
Caminhas através do tempo e espaço.
Cigano, peregrinas pelo universo.
Tua busca, o resplendor da luz,
espírito envolto em emoção e amor.
 
O Condor gigante, o abutre,
é teu símbolo de liberdade.
Ser águia dourada tua meta.
Pássaro de fogo tua eterna companheira.
 
Neste átimo de tempo
reencontraste tua amada,
a pomba da paixão tão querida.
E, em plena sintonia e entrega,
planam juntos, rumo ao sol.
Sentindo neste momento único,
todo o prazer que ele encerra.
 
Aventureiro,
Com o mundo não assumiste compromissos.
Só à paixão, somente ao amor, à emoção,
entregas, sem reservas, teu coração.
 
E, assim, seguirás pela eternidade,
como ser uno, único, inteiro.
Reunido à tua amada Eva,
ao encontro do éter paradisíaco.
 
Zion Freire
Zion Freire
Enviado por Zion Freire em 28/10/2006
Código do texto: T276264
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zion Freire
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 66 anos
65 textos (2561 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 11:11)
Zion Freire