Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Bruxarias...


O amor é um feitiço,
pelo qual, me realizo,
em magias de ilusão.
Entre bruxas horrorosas,
vou contando minhas prosas,
abafando a solidão...

Lá no céu, a Lua cheia,
mostra o rosto, tão faceira,
para os Magos encantados.
E num céu de brincadeiras,
vão vassouras voadeiras,
traquinando pelo Espaço...

Vão narizes, vem verrugas,
unhas grandes, muitas rugas,
entre gritos de pavor.
Feiticeiras boazudas,
bruxas velhas, narigudas,
são um circo de horror...

Não importa se é doideira,
maluquice ou brincadeira,
as poções e bruxarias.
Lagartixa, pó de teia,
sapo boi, caranguejeira,
caldeirão de iguarias...

Vem magia, vai pedido,
confusão e reboliço,
nas varinhas de condão.
O que importa é o sorriso,
tansformado num feitiço,
que conquiste o coração...

Da janela me contento,
vislumbrar um céu cinzento,
de uma noite especial.
Invocando o sentimento,
a viver no pensamento,
bruxo amor, celestial...

Angra sem Reis
31/10/06
23:44hs



Day Moraes
Enviado por Day Moraes em 01/11/2006
Código do texto: T278931
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Day Moraes
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
137 textos (4782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:11)
Day Moraes