Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem nesses dias aparece?

Estou com medo
Ela, eu, acabou?
E lá se foi o amor...
De mãos dadas com a sorte
Que nesses dias aparece
Pra me tirar o que me resta
Me anulo daqui
Façam uma festa.

   Estou com medo. “Ela e eu”, acabou? E lá se foi o amor de mãos dadas com a sorte, que só aparece pra tirar o que me resta. Anulo-me daqui, façam uma festa.

Façam uma festa.
Pra me tirar o que me resta
Me anulo daqui
Ela, eu, acabou?
Quem nesses dias aparece?
Estou com medo
De mãos dadas com a sorte
E lá se foi o amor...

   Façam uma festa para me tirar o que de mim resta. Ela e eu, acabou? Quem nesses dias aparece? Estou com medo e mãos dadas com a sorte, e lá se foi o amor.

Pra me tirar o que me resta
Me anulo daqui
De mãos dadas com a sorte
Façam uma festa
E lá se foi o amor...
Ela, eu, acabou?
Quem nesses dias aparece?

   Pra tirar de mim o que me resta, anulo-me daqui. Façam uma festa de mãos dadas com a sorte. Ela se foi o amor, ela e eu, isso já acabou? Ninguém nesses dias aparece.
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 01/11/2006
Código do texto: T279056

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98434 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:57)
Andrié Silva