Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

minha eterna dúvida diária


o amanhã vai fazer você chorar
vai fazer você entrar dentro da graça de você mesma
aperte o botão de ligar e se mova abaixo
continue dirigindo e vá de encontro com seus ossos
é a realidade que te arrasta
rios que te lavam
espere até que todos iniciem a morte

e morra
até que o rádio ligue
a realidade é assim tão excessiva
no inicio que alguém se atreve a se ultrapassar

no momento dos dias em que a canção amarela tocar
pense que você é a única que pode se safar dessa
e crescer por si mesma
um endereço apagado
em minha agenda já tão cheia de passado

eu estou tentando acreditar em você
olhando para o seu corpo nu

você está com a cara de sua mãe
é uma verdade cover
eu tentei naquele dia profetizar sobre a gente!

e o rádio
ainda vai acabar te matando
te dando a falsa luz da verdade
no inicio do primeiro caminho por você traçado no amor
e eu penso que tudo pode ser assim tão fácil
se você deixar a canção rolar abaixo sem preconceitos

uma leva de mensagens de mentiras
questões não-olhadas
alguém veio e plantou aqui
alguém esta aqui e sequer sabe de algo
aqui a única besta que range não sou eu

fim esgotado
cada escolha
não olhando para as verdades
perdas em massa
dizendo o que não deve e achando que deve
um varal de mentiras
sobremesas em taças
o sumidouro está lá no céu e tão presente em sua boca

e cuidado
o rádio vai fazer você acordar
a vida não é assim tão excessivamente fácil
os únicos que podem ter você tão junto de você

e cuidado o radio ainda vai te matar
as vistas de suas possessões já estão bem dominadas
no caminho o inicio de frente desse sumidouro infernal...
Rônaldy Lemos
Enviado por Rônaldy Lemos em 07/11/2006
Código do texto: T284277
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rônaldy Lemos
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 34 anos
1173 textos (70494 leituras)
70 áudios (455 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:28)
Rônaldy Lemos