Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESCURIDÃO DA ALMA...

ESPERANÇA QUE ME CONSOME,
NA DOR QUE MAIS UM DIA SE PASSOU,
FECHO OS OLHOS
E O NEGRO DA NOITE FAZ IMAGENS...

IMAGENS QUE PARECEM REAIS,
IMAGENS QUE ME ATORMENTAM,
NADA SEI ONDE TUDO É MEU...

O COMEÇO E O FIM SE MISTURAM,
NUMA SINTONIA NADA A VER...

ABRO OS OLHOS E VEJO VOCÊ,
POR ONDE ENTROU NOVAMENTE...

EU NÃO SEI...

FECHO OS OLHOS
TE PROCURANDO NA INCERTEZA,
E QUANDO ABRO
NÃO MAIS TE VEJO...

ESCURIDÃO QUE EU NÃO ME ENCONTRO,
ONDE NADA MAIS FAZ SENTIDO...

ONDE O AMOR TORNA-SE ÓDIO,
E A ESCOLA O APRENDIZ...

ME DIZ O QUE FAZER
NESSA DISTÂNCIA DE VOCÊ...

ABRA OS MEUS CAMINHOS
PARA QUE EU NÃO SOFRA EM TUA AUSÊNCIA,
E QUE A ESCURIDÃO DE MINH'ALMA
NÃO REINES OUTRA VEZ!!!

  bambamnaty@yahoo.com.br
Bambanzinha
Enviado por Bambanzinha em 09/11/2006
Código do texto: T286862
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Bambanzinha
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
72 textos (50176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 23:59)
Bambanzinha