Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estado

Constitui a árvore de galhos
Ramos, ramificações
Nítidas, demonstrando caminhos
Diferentes noções
A espécie viva existente
Germinou assim
Já no Paraíso
Fazia-se presente no horizonte
Ali permanecia na paisagem
Nunca estática, sim crescente
Para defesa, ataque, alimento
Usavam dela individualmente
Na Idade Média
Enfeitava palácio do príncipe
E as mansões dos nobres
Por conta e risco do suor dos pobres
Privilegiava o clero também
Contribuía, dava-lhe tudo... Amém!
Revoluções se sucederam na história
O povo participando desde a raiz
Da construção com nova retórica
Da Inglaterra surge projeto elaborado
Vindo a ser o primeiro escrito e normatizado
Reflete-se na França e nas Américas
Sentimento nacional de liberdade, de vontade
Contamina os povos... E cada qual a seu modo
Elabora seu roteiro de Estado
Regras e costumes são demonstrados
E tantas foram às fórmulas usadas
Conceitos, princípios explorados
Teorias, estudos, normas, juízos e tratados
Que o real poder, a política democrática
Distratada, distante e acuada
Escondeu-se atrás da paisagem
Ao longe divisa poderes, órgãos, estruturas
Mas visível em suas raízes rupturas
O conceito, a idéia constituída
Em crise, necessita ser renovada
E para tanto reavaliadas:
Mudanças sociais, políticas e históricas
Elos fundamentais na Teoria do Estado
Mostrando aos povos reais resultados




Regina Romeiro
Enviado por Regina Romeiro em 11/11/2006
Reeditado em 11/11/2006
Código do texto: T288047

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Regina Romeiro
São Sebastião - São Paulo - Brasil
475 textos (28765 leituras)
4 áudios (704 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:19)
Regina Romeiro