Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Certeza

Certeza
             

O que pode ser certeza?
Algo certo?
Incerto?
Deserto?
Tão perto que foge,
Tão longe que pegamos
E desfiamos em atos
Inatos
Pacatos,
Sensatos,
Ou será conhecimento
Exato,
Escalado,
Mudado,
Transportado?...
Será convicção
De punição,
De exatidão
Ou de perdão?...
Ah! Certeza de quê?
De estabilidade,
De emotividade,
Serenidade?
Quantas indagações
Incertas
Repletas de medo...
De dúvida...
Certamente que certeza
É incoerência remota
De cumplicidade firme
Com alguém
De muito perto do seu ser
Que se teme perder.
Certeza?
Do vento que bate no rosto
Ocultando o desgosto
Do tempo que passa?
Certeza do sorriso
Que ilumina
O olhar da criança...
Certeza do sol,
Que ilumina e aquece
E que não esmorece
Diante dos ingratos
Que não agradece
Sua simplicidade.
Certeza do luar
Que ilumina e aclara
A noite das almas
Inquietas...
Certeza da chuva
Que cai sobre a planta
Que sem questionar
Se deixa molhar
E não pergunta
De onde veio
Nem pra onde vai
Certeza?
Do dia de hoje
Que amanhece claro
Pleno,
De amor, carinho,
Carícias de ar leve
Nas faces loiras,
Morenas,
Amarelas....
Certeza?
Só do amor nascente,
Pungente,
Ardente,
Ou atrás da poeira secreta
Do ontem sofrido,
O hoje colorido,
Amável
Certeza?
Da morte
Latente
Ridente
A espreita
Esperando o momento
De levar consigo
Toda a certeza
Da vida acumulada.



  01/09/2005.

MVA
Enviado por MVA em 14/11/2006
Código do texto: T291576
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o meu nome e meu site: www.marlenevieiraaragao.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MVA
São Paulo - São Paulo - Brasil
1925 textos (191054 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:15)

Site do Escritor