Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

um barco...

Sou um barco a navegar
Na imensidão do oceano
Vez ou outra, avisto terra,
e não consigo aportar.
Outras vezes o horizonte,
Tão longínguo,
Mas consigo lá chegar.
Minha alma transcendente,
inquieta, suplicante,
mergulhada num vazio,
que não consigo explicar.
Sinto o balanço do mar,
Sinto a brisa soprar,
Num convite constante,
que preciso me encontrar.
              18/11/2006.
camomila
Enviado por camomila em 18/11/2006
Reeditado em 18/11/2006
Código do texto: T294432
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Maria Eugenia Oliveira Chiaretti). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
camomila
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
247 textos (10632 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 18:57)
camomila