Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Respostas em rimas (forum)

Rimas...

Como pássaros nos galhos pousam dissimulados
Expressões de todas as formas, criações
Cativam por suas belezas particulares
Amenizando nossas mais tolas ilusõess!

_________________________________________

O poeta é...

Amor que toma forma de escultura
e se põe em lugares estratégicos
para fazer do homem um Ser mais humano.

_________________________________________

Papel em branco

Se me desses um papel em branco...
Eu escreveria um poema de amor
e o dedicaria a você e todos os
amigos recantistas...

________________________________________

amigos recantistas...

Palavras são poucas e ansiamos
Nossos amigos daqui descrever
O Recanto, um jardim de sonhos

Entramos, alegramo-nos e buscamos
E num ritual, como flores regamos
Viva nossa maior fonte do saber!

________________________________________

Chuva

chuva para mim não tem jeito
é como versos em poesia
chuva que lava o meu corpo
poesia a lavar-me a alma!


Violeta

Já a violeta na chuva
revive a cor e o perfume
tem cor do mesmo nome
provoca em mim queixumes...

________________________________________

Vida

É tudo que tenho do antes e agora
É todos que amei e amo em sorte
Se posso morrer enquanto vida
Por que não viver após a morte?

(baseado na filosofia espirita)

________________________________________

Acreditar é preciso...

Se quem vive vai além e mais
do mais pobre ao mais rico
serem todos iguais!
Agonia ver o mundo
com tantas vidas desiguais...

________________________________________

Escarpa

Não deixa escapar e a morte te encontrar
Se for ousado e nela não acreditar
Minimizando o poder que em rapel sem estudo
Poderoso como rapeiro em ti encontrar matuto

Fervilhando os sonhos de malucos e matreiros
Mãos de ferro para de lá não escapar
Se for iniciante e tentar burilar a sorte
De lá com certeza pode despencar pra morte

________________________________________

Lua

Hum... a lua pra mim é tudo,
um tesouro prateado
Não importa se escondida, aparente,
ou de nuvens ladeada
Quando se esconde mostra as estrelas,
também as cadentes...
Quando cheia traz os sonhos maiores
pra bem perto da gente!

________________________________________

Divinatório

São teus encantados olhos de mar!
Que me levam sempre na imaginação
a te encontrar, coisa mais bela!
E descobrir em teu silêncio os verbos
que me fazem te amar!

________________________________________

Se me desses o sol?
 
Eu o traria na pele, alma e coração
para bronzear todos os meus sonhos...
Não deixaria a chuva fria de verão
Tirar do meu peito os encantos!


Se me desses um LAGO...

Faria do lado um pique-nique
E brindaria com minhas amigas
Com saudável mergulho na corrente
Ouvindo muitas e belas cantigas!

________________________________________

Se me desses um
PACOTE DE AÇÚCAR?

Juntaria muitas gemas e côco
E faria confeites dourados
Ornamento de um lindo bolo
Pra festejar os enamorados

________________________________________

Amor interesseiro

Amor só por dinheiro é acrobacia,
ninguém de fato acha graça.
Amor tem que ter poesia,
calor e brinde em boa taça!

Amar ela sabe muito bem, é tudo!
Não deixando seu coração desviar.
Seu lema é suprir emoção de canudo,
que o amor te leve bem devagar!

_______________________________________

Por que eu choraria?

Chorar p'ra que, é minha poesia,
se a vida é tão generosa?
Quando choro a ruga amplia,
quando rio, minh'alma eleva!


________________________________________

E pra finalizar, o carinho de um poetamigo, o qual agradeço de coração!

Acróstico

N_ina, menina, nina
I_lustre amiga, poeta
N_os versos brincando de rima
A_ emoção nos afeta!

Antônio Gonzaga Tomáz
enviado em 18/11/2006 20h57





Nina
Enviado por Nina em 18/11/2006
Reeditado em 20/11/2006
Código do texto: T294527

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nina_Tupã - SP/ nininha_1308@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nina
Tupã - São Paulo - Brasil
726 textos (41761 leituras)
2 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:33)
Nina