Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TUDO PASSA...

Saiba-se que tudo na vida passa
Como o vento que do norte vem
No mar se arrasta bem rápido e frio
Um amor, um sussurro, uma farsa
Iludindo, enganando, tornando refém
Um coração que dói de ardor sem brio

Pelo que sofrera as mãos da insanidade
Temerosamente passou a si mesmo vencer
Querendo a pura ternura que à saciedade
Do acalanto de um mero carinho poder reter

Que encontrou á sua volta asperidade
Quando viu a ilusão em seu intimo se perder
É... tudo mesmo na vida costuma passar
Sem deixar rastros, sinais, ou parada
Só sofrimentos, da vaga e mísera herança
De que um dia frio tivera o puro amar
Deixou-se levar pela vida a fora o nada
Sem desejos, calor, ardor ou lembrança
Paulo Poeta
Enviado por Paulo Poeta em 24/11/2006
Código do texto: T300232
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Poeta
Goiana - Pernambuco - Brasil, 38 anos
73 textos (2818 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:55)
Paulo Poeta