Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mil fases

Às vezes eu escolho a dedo um amor;
Às vezes o amor me escolhe.

Em alguns momentos quero viver eternamente;
Em outros gostaria de deixar a vida para sempre.

Às vezes eu vejo a vida como nada;
Às vezes nem eu lembro que estou vivo.

No passar do tempo eu conto os segundos;
Mas depois não tenho tempo para mim mesmo.

Às vezes nada me faz ter medo;
Às vezes apenas me resta esse medo.

Tenho dias que nada parece ter sentido;
Em outros tenho medo de ver o sentido das coisas.

Às vezes eu esqueço de minha vida;
Às vezes,  a vida simplesmente esquece de mim.



Fernando Bins Sandi
Fernando Gaia
Enviado por Fernando Gaia em 24/11/2006
Código do texto: T300431
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Gaia
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 26 anos
14 textos (1080 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:43)
Fernando Gaia