Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Zumbi

Eu vou trabalhar,
Para um dia e eu poder parar e ser um gastador
Vou ver no que é que dá
Vou suar nos meus melhores anos
Labutar só pensando nos planos

Pensar sem viver,
Vou me poupar de ser humano
Inverter prazer, transfigurar valor,
Mentir-me, aparecer, me desgostar pra ter.

Chamar de lazer migalhas pelo chão cuspido do patrão
Transtornar meu ser
Não ser!
Quem sabe o que é que eu sou?
Sou meu sonegador!
 
Tenho o que mais quis depois que mudei.
Não tenho nada que quis daquilo que sonhei.
O que tenho não sou...
Sou o que sobrou, não decorei a lição.
Esqueci-me da razão

Estraguei meu coração
Fiquei com os pés no chão
Agora sou meus pés
Minha cabeça é dez
Juntei-me aos infiéis
Zumbi, morto vivo!
Vivo...
Edbar
Enviado por Edbar em 24/11/2006
Reeditado em 25/11/2006
Código do texto: T300587
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edbar www.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edbar
Recife - Pernambuco - Brasil, 65 anos
2870 textos (82783 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:03)
Edbar