Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher de retirante


Na beira de uma estrada,
Pertinho dum vilarejo.
Uma mulher acenando,
Olhar triste e sorriso meigo.
Parece um lugar distante,
Uma terra esquecida.
Lá, se vê mais morte que vida,
É terra que nada tem,
É terra de retirante,
Não se vê homens na lida
Espera a chuva,
A chuva não vem.
Mas de longe se ouve a oração...
Ave-Maria, amém!

A poucas jardas dali,
Uma mulher na janela,
Olhando fito horizonte
E nessa triste mazela,
Espera a volta do seu homem
Que se foi pra lá de ontem - ontem
E seu sorriso, com ele partiu também,
Mas de longe se ouve a oração...
Ave-maria, amém!

Levado pela esperança,
Roupas velhas na velha mala,
Foi longe tentar a sorte,
Pra seus filhos livrar da morte.
E para trás deixou ela,
Numa triste e vã espera;
Como quem vê o sonho,
No horizonte daquela janela
Sua boca nada diz,
E se a ela perguntar...
Ainda diz que é feliz,
Mas seu olhar tudo fala
Da fome e da saudade
Que seu coração não cala.
Nada na mão, nem um vintém,
Mas de longe se ouve a oração
Ave-Maria, Amém!
(Sirlei L. Passolongo)



Sirlei L Passolongo
Enviado por Sirlei L Passolongo em 29/11/2006
Reeditado em 25/10/2007
Código do texto: T304413

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sirlei L Passolongo
Cianorte - Paraná - Brasil, 46 anos
1377 textos (181293 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:29)
Sirlei L Passolongo