Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desabafo

Pena, você partiu e aquilo tudo acabou,
sobrou eu, e apenas eu...
Talvez tenha sido melhor assim,
é que eu já estava saindo de mim.

Mundo estranho, mas bonito,
para quem vive e tem tudo no grito.
Difícil acreditar na morte,
ainda que seja uma pessoa de sorte.

A estrada ficou para trás...
E só restou uma louca paz.
E eu só pensando na vida,
naquela querida vida,
onde eu sempre sorria,
e apesar de você, eu vivia...

Onde eu era feliz
e finquei minha raiz.
Fico imaginando...
Se ainda estivesse te amando.

Talvez, fosse loucura,
ou para te esquecer, droga pura.
Te dilacero a cada segundo,
arrancando você e seu mundo,
de dentro do meu peito.
Que agora brada satisfeito

Enfim tenho por quem viver,
Pois me descubro um novo ser.
Marcelo Scot
Enviado por Marcelo Scot em 30/11/2006
Código do texto: T306134

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Scot
São Paulo - São Paulo - Brasil, 52 anos
388 textos (34969 leituras)
9 áudios (1478 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:31)
Marcelo Scot