Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O rock n' roll e sua influência

Por mais que as pessoas mostrem desprezo pelo rock unicamente pelo seu “barulho”, não há como negar e sequer discutir que esse estilo musical é o mais representativo da história da música. Atinge fãs de todas as partes do mundo e cria ídolos que entram nas páginas de qualquer documento acerca dessa quase “religião”.
Primeiramente, é o estilo mais difundido no mundo, tanto em número de adeptos quanto de bandas. O rock é uma maneira de colocar na música desabafos e críticas, aliados a instrumentações e vocalizações variadas que tornam o estilo único em sua essência.
Outro ponto fundamental é a variedade de subgêneros e temas abordados nas letras. Enquanto que os saturados pagode e sertanejo universitário, entre outros estilos, limitam-se a falar de três ou quatro assuntos, o rock apresenta uma gama mais diversificada. Dentre outros temas abordados, temos o amor, a esperança, a perseverança, a mitologia, o misticismo, a religião, a crítica política e social, o folclore e o niilismo. Algumas bandas falam do demônio, mas são minoria. O problema é que aqueles que não gostam do gênero baseiam suas críticas muito em cima desse fato, deixando de lado a análise dos fatores positivos que tanto atraem os fãs.
Citarei aqui trecho de duas músicas, que, na minha opinião, simbolizam a excelência das letras do rock em relação aos outros estilos. O primeiro trecho é da música Burning Heart (1984), da banda de hard rock Survivor: “No código do guerreiro, não há lugar para rendição/Embora seu corpo diga pare, seu espírito nunca chora/No fundo de nossa alma há uma brasa quieta/Ela sabe que é você contra você/É o paradoxo que nos dirige/É uma batalha de testamentos, no calor de ataque,/É a paixão que mata/A vitória é só sua”. O outro trecho é da banda de power metal Dragonforce, música Through the fire and flames (2006): “Assim que o dia vermelho cai/E os relâmpagos racham o céu/Eles levantam suas mãos/Para o paraíso acima deles/Assim que plantamos suas mentiras/Correndo contra a luz da manhã/Há um fogo em meu coração/Somos banidos do tempo, na terra dos derrotados/Para uma luz além das estrelas. Essas letras podem parecer complexas, mas apenas demonstram a capacidade dos seus criadores e tornam o rock n' roll o gênero mais culto da música.
E o terceiro grande ponto a favor do rock, que talvez seja o mais massacrante em relação aos demais, é sua história. Ninguém apresenta tantos mitos, gênios, rebeldias e curiosidades. Na era do blues surgiram monstros como B. B. King e Robert Johnson, que tornaram a guitarra o instrumento símbolo do estilo. Guitarristas que vieram na sequência, como Jimi Hendrix, Chuck Berry, Eric Clapton, Jimmy Page, Ritchie Blackmore e Tommy Iommi, sacramentaram esse fato. Como não citar os mestres da bateria, John Bonham e Neil Peart. No baixo, John Paul Jones e Steve Harris. E na linha de frente de toda banda, os vocais tão variados: Ian Gillan, John Lennon, Robert Plant, Roger Daltrey, Mick Jaeger, Derrick Green, Corey Taylor, etc.
Após a morte de Kurt Cobain, ex-vocalista do Nirvana, em 1994, não surgiu mais um ícone, motivo pelo qual há afirmações de que o rock está acabando. Aliado a isso, os grandes nomes já faleceram ou estão em idade avançada. Os mais radicais arrancam os cabelos por causa das bandas atuais que tendem mais para o pop. Uma coisa é certa: o estilo não vai morrer se depender daqueles que o amam. É muita história para ser esquecida só por causa de alguns que tentam “popularizar” algo que é majestoso, pois o rock é para quem merece.
Marcio Scheibler
Enviado por Marcio Scheibler em 11/08/2011
Código do texto: T3153270

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcio Scheibler
Santa Cruz do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 34 anos
21 textos (23008 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 12:51)
Marcio Scheibler