Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESCURO

aquele velho,naquela
monótona noite com
suas mundrungas
já o vinha observando
há algum tempo

"o que ele faz toda
sexta no semitério?"
eu me perguntrava

fugia de casa para
observá-lo
não tinha medo algum,
dava era vontade de
juntar-me aquele ritual.

numa noite fria ventosa
resolvi desocultar-me e
lhe surpeender,
pensei que o fosse assustar,
mas foi como se ele
já soubesse de minha
existência atrás daqueles
túmulos.

ele não abria a boca
só eu falava,dizendo
que queria participar,
então ele falou,mas não
lembro o que,é só o que  lembro.

daí vivo nesse escuro,
não sei como sair,
se é que tem saída!
Daniel Erbon
Enviado por Daniel Erbon em 20/07/2005
Código do texto: T36173
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Erbon
Macapá - Amapá - Brasil, 29 anos
90 textos (2595 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:34)
Daniel Erbon