Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO ME NEGUE

[porque sonhar não é um simples verbo... eh eh ]


Não te reveles pedra, nem sabão, nem rio
Já te fizeram homem antes do poeta
Não te encarceres no  teu ar sombrio
Pois mesmo tua sombra , me completa

Não perca o meu toque, não desguie
das minhas mãos serenas no teu peito.
Não te permitas que eu silencie
e te afaste de vez,  deste meu leito

Não tire de tua vida o meu olhar
e os ais incontidos no quarto do hotel.
Não me deixe agora, vem me abrigar
nem que seja nas linhas de um tal cordel

Não deixe que eu me arraste à tua procura
nas noites de serestas, bares e lua.
Não me permita ser somente a loucura
das tardes encobertas nessa cama tua
Lili Maia
Enviado por Lili Maia em 26/07/2005
Reeditado em 26/07/2005
Código do texto: T37860

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lili Maia
Curitiba - Paraná - Brasil
484 textos (66674 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:03)
Lili Maia