Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medievalidade ao início

Espada de cobre que parece ouro
Atravessa a carne e se mela de sangue
Grito cá e acolá junto a superstição
Deus te assusta
A cabra é sacrificada num balde
Sangue mela a mão e tocas se botam na cabeça
Fack no pescoço mata a presença da navalha
Mato, areia, sensação de tempo atingo
Destecnologia
Pedra arranha, lobo, dinossauro
Bunda seca
Robe de pano, pano de pano sujo
Cara de Jesus na cruz
Tome isso, tome aquilo
Olho diferente
Animal próximo e pureza doida
T a n
Enviado por T a n em 31/07/2005
Código do texto: T39218
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
T a n
Condeúba - Bahia - Brasil, 27 anos
31 textos (2090 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:38)
T a n