Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Magnânima Magda.

Magnânima Magda

Autor: Daniel Fiúza
09/10/2001


Mulher que abre seu templo ao amor
Entrega-se em rituais de sensualidade
Queimando de paixão com seu calor
Devorando o homem a sua vontade.

Gosta de sentir a força do homem
Suga-lhe a força com o seu poder
Retira seu gozo matando sua fome
Ama loucamente e morre de prazer.

Nos seus galopes cavalga a sensação
Expandindo seu prazer ao infinito
Deusa erótica lança raios de tesão
Excitando o homem com seu grito.

Todo seu corpo é mapa de erotismo
Cheio de caminhos e excitamentos
Explorada por mãos e bocas em lirismo
Goza a descoberta em seus momentos.

Uma Grande fêmea num cio permanente
Provocando o homem se espojando
Trejeitos de conquista seu dote aparente
Vai ao fim do mundo quando está amando.

Magnânima mulher, Magda é seu nome
É o próprio amor exalando sensualmente
Nasceu para sentir e dá prazer ao homem
Eros que goza a vida, e sacia seu amante.


Domfiuza
Enviado por Domfiuza em 08/08/2005
Código do texto: T41301
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Domfiuza
Santa Barbara D'Oeste - São Paulo - Brasil
1103 textos (142717 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:06)
Domfiuza