Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chuva das minhas noites frias

Sinto dentro de meu apertado peito,
Em meu coração quase que dilacerado
Que não tem sentido uma emoção de essência,
O amor que jura ter, não existe, eu sei.
A cada encontro, mesmo que não entre rostos,
Vejo...
E em interior profundo,
Sinto...
Como a água da chuva.
O perfume exala, entre cantos.
Preferiria que fosse sentimento de ilusão,
A dor que me vem, não te desejo
O sofrimento continua, a angústia me incomoda,
São suas palavras Brancas, mal soadas.
Não paro de pensar em ti, é verdade.
Me diz que tem algo em seu coração inquieto,
Sou eu.  ???????
Necessito da sua presença
Necessito sentir-me amada
Necessito dos seus abraços
mas Necessito ainda mais,...
Daquele sentimento que me jura, ao qual
eu não sinto segurança.
Palavras não ditas.
NESSABTG
Enviado por NESSABTG em 10/08/2005
Reeditado em 10/08/2005
Código do texto: T41781
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NESSABTG
Bertioga - São Paulo - Brasil, 28 anos
38 textos (16282 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:38)
NESSABTG