Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POTIOCA NA DANÇA...Cordel aos poetas e poetisas do nordeste.

A dança nordestina da mulata.

Trança perna da mulata
O xote triangulo a dançar
Chora a sanfona e acata
Pandeiro c’o zabumbar

Boca retinta pintada
O vento levanta saia
Passos do xaxado ensaia
Mulata boca encarnada.

Sorrindo com muita graça
Da graça que o vento faz
Arriba a saia e disfarça
No mote dançado mais.

No chão batido de barro
Na casa do seu Genaro
Buscando água no faro
Mulata na roda amarro.

Já vi dançar gafieira
Samba de roda a miúda
Forró baião cirandeira
Sem precisar de ajuda

A poeira sai do chão
Gruda no suor que corre
Bater coxas é sensação
Dançando a gente morre.
 
A noite já se faz alta
Dançando tudo que toca
Nunca se rende a mulata
Sertaneja que se invoca.

Carioca não pode vê
Este cordel do agreste
Mulata não pode ser
Dançarina do nordeste.
 
Cascudo morreu não viu
Mulata quebrando pote
Cordel em prosa partiu
Suando no som do xote.


Deth haak
15/08/2005
Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 15/08/2005
Código do texto: T42835
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65361 leituras)
50 áudios (9718 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:48)
Deth Haak