Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Assalto


A arma, a arma está preparada e brilhando
Preparada para jogar e brilhar na madrugada
como um relâmpago
Não se pode ter mais alegria, pois o meu povo rejeita conselhos de uma Intelligentsia empenhada
e não agüenta mais os castigos Realpolitik de glamourização
(Ó senhor deus dos desgraçados, onde estais?)
A arma está limpa e pronta para ser usada
Está limpa e pronta para ser usada por profetas do caos:
- treze deuses dogmáticos,
- treze subversivos,
- treze dissidentes periféricos
A arma está carregada, está carregada de injúrias e de rancor:
- Cuspirará fogo a filosofia da ausência,
- Cuspirará fogo a educação sentimental às avessas.
A arma está engatilhada, está engatilhada e vai disparar:
- Je t’aime parfum bonjour!
A arma está ecoando na noite dos becos fétidos
contra a folclorice do espírito de cordialidade:
- Zero à esquerda, zero à direita
A arma está fazendo mira agora:
- disparará, disparará...disparará.
Fabiano Vale
Enviado por Fabiano Vale em 17/08/2005
Código do texto: T43239
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabiano Vale
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil
116 textos (13326 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:05)