Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FALTAVA EU

Na ciranda do manicômio falta eu
Vou entrando de fininho, devagar
Não quero meus amigos assustar
As minhas tristezas o gato comeu

A maldade aqui não pode entrar
Aqui se fala de amor e de paixão
Coisas lindas que vem do coração
Mas se não for o bicho vai pegar

Destas coisas todas eu bem sei
Falar das coisas que tem nexo
Gosto também de falar de sexo
E quem roubou a roupa do rei?

Se foi a roupa ou se foi o sapato
É problema sexual de quem tem
E também não é o seu meu bem
Quem vai ser a pagar esse pato?

Na ciranda de pato e sapatada
Reuniram malucos de montão
Me meti também na confusão
Neste manicômio dei entrada

Vou agora saindo como entrei
Mas eu que não sou louca não
Vou sair correndo pelo porão
Da camisa de força me livrei
Renate Emanuele
Enviado por Renate Emanuele em 05/09/2005
Código do texto: T47804
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Renate Emanuele
São Paulo - São Paulo - Brasil, 71 anos
136 textos (10571 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 10:11)
Renate Emanuele