Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O homem e seu vazio

Na busca insensante da felicidade
Vivemos um mundo fechado em nós mesmo
Onde o  mais importante da procura
É sentir se realizado tão somente

O mais cruel de tudo isto
É que em nada percebemos
Que todas estas nossas atitudes
É uma vida egoísta que vivemos.

Estamos sempre a moldar as pessoas
Numa  personalização constante
E quando sentimos frustrados
Deixamos tudo de lado
Pois o êxito da vaidade não foi o esperado

E assim caminhamos nós
Sempre atras da felicidade
Que tem como ponto de partida
Suprir nossos desejos e vaidade

O homem precisa deste ar
Que supre as suas carências
Querendo preencher o vazio
Permanente de sua existência
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 15/09/2005
Código do texto: T50614
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219444 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:02)
Ataíde Lemos

Site do Escritor