Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O ar

Todos sentem mas ninguém o vê
ele está em todo lugar e em lugar algum
está na calmaria das brisas, em lindos campos floridos
e na fúria das devastadoras tempestades

Está na graciosa dança das folhas a flutuar
na magia das magestosas garças a voar
e também dos ávidos gaviões a planar
enfim, na estonteante beleza da natureza

Está nos suaves movimentos dos cabelos de minha amada
naquele divertido piquenique no parque
na emocionante aventura de asas-delta e pára-quedas
e ainda na força dos ventos a soprar para os veleiros

Ele é tudo, mas também não é nada
ele é a chave da vida
que sem o qual não existiria
por isso não me canso de agradecer ao Senhor por sua existência
OBRIGADO
Diogo Zanon França
Enviado por Diogo Zanon França em 30/09/2005
Código do texto: T54972
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diogo Zanon França
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 34 anos
30 textos (2094 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:50)
Diogo Zanon França