Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Incessante Busca



Busco a tranqüilidade ansiosa,
O amor sem razão.
Busco o olhar intenso, impenetrável.
O rosto singular na multidão.

Busco a beleza apolínea do ser que espera
A alegria da revoada de pássaros.
Sobretudo, busco a mim...
No âmago do meu ser
Onde caminho no desconhecido
Trazendo surpresas e encantamentos
Como doce estalar de sentidos.

Não quero a paz que traz solidão,
Nem quero o movimento contínuo de pernas.
Quero sim, a lentidão diafragmal,
Arfando até a paixão dos insensatos
Que buscam em si, a loucura do desejo.

sonia barbosa
Enviado por sonia barbosa em 04/10/2005
Código do texto: T56686
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
sonia barbosa
Recife - Pernambuco - Brasil
27 textos (2293 leituras)
1 e-livros (39 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:05)
sonia barbosa