Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Precipício

Dissipei o ininterrupto tempo,
Para encontrar satisfação desmedida,
Colhi das pessoas o esquecimento,
Plantando em seus corações a despedida.

Busquei incensante o acaso,
Contornando o previsível destino,
Deixei nas estradas todo fardo,
Solitário, caminhei peregrino.

Embriaguei-me de desesperança,
Sorvendo copos de sofrimento,
Afugentei a última criança,
Com quem brincava em pensamento.

Crendo ser da vida o obreiro,
Iludi-me ao traçar minha trilha,
Estava apenas abreviando o roteito,
O momento de minha partida.
Caio Marcellus Borba Lins da Silva
Enviado por Caio Marcellus Borba Lins da Silva em 06/10/2005
Reeditado em 07/10/2005
Código do texto: T57381
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Marcellus Borba Lins da Silva
Arcoverde - Pernambuco - Brasil, 58 anos
15 textos (1427 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:45)
Caio Marcellus Borba Lins da Silva