Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENHORES DA CIÊNCIA

Por séculos os homens que se julgam,
Ser senhores da ciência, carregam
Com eles uma chama ardente de egoísmo
E toneladas de balburdia para lançar sobre os
Que caminham na inércia e pior, a melhor
Capacidade destes homens, ou melhor;
Senhores da Ciência é mirar à metralhadora da suposição.
Supõem realisticamente que o mundo pertence a eles,
E o resto embora maioria torna-se a classe inferior,
E assim obedecem á eles, desde á ordem de abaixar e
 Comer migalhas, até se trancarem na prisão da incapacidade.
Alguém por descuido tenta conclamar, mas ironicamente
                    Conclama pelo: Mr. Nobody.
A manchete roaz: tornar-se rútila que não é preciso luz.
Agora é a hora: os senhores da ciência precisam arquitetar
Outra fórmula para impregnar mentes
E transformar dor em gáudio e sangue em
Pétalas de rosas, como segue o ciclo da história.


Jane. São Paulo/ 2002.
     





Jane Krist Coffee
Enviado por Jane Krist Coffee em 08/10/2005
Reeditado em 31/03/2009
Código do texto: T57745

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jane Krist Coffee). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jane Krist Coffee
São Paulo - São Paulo - Brasil
503 textos (67740 leituras)
1 e-livros (1205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:12)
Jane Krist Coffee