Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SER

Nadir A D'Onofrio


Se o amor acabou
Cicatriz deixou....
Lastimar não irá resolver,
Decidi...encontrar nova forma de viver.


Serei nômade,
Não quero  portas ou janelas,
Estarei à vontade andando nua...
Muita branca é verdade,
Posso substituir meu nome ...
Doravante serei Jacy.



Contas que vencem todos os dias,
Dificuldade para saldar divida.
A boa vida do luxo!
Há muito já terminou...


Não vou chorar mais,
Quero é botar pr’a quebrar.
Viro rio e cachoeira,
Despencarei em corredeiras...


Algumas vezes discreta,
Outras...satírica...jocosa...


Ser garoa que molha pouco,
Ser chuva encharcando a terra.
Ser sol, fazendo a semente germinar,
Ser... ar... sal... mar...
Ser...entender que sou pura essência!
Esquecer as agruras,
Que só servem p’ra me amofinar...


11/02/2005 23:36hs
Santos SP



Nadir DOnofrio
Enviado por Nadir DOnofrio em 06/03/2005
Reeditado em 28/04/2011
Código do texto: T5824

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir DOnofrio
Santos - São Paulo - Brasil
941 textos (96680 leituras)
145 áudios (12768 audições)
18 e-livros (4283 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:39)
Nadir DOnofrio

Site do Escritor