Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Consciência...

Parto.
Em trilhas cobertas,
por folhas secas de outono.

Caminho.
Com os olhos no firmamento,
e pés, sem raízes.

Procuro.
Entre galhos nus,
a mansidão da lua.

Ouço.
O titilar das águas,
a erodir as pedras.

Calo-me.
Porque nada sou,
onde tu não existes...
Day Moraes
Enviado por Day Moraes em 10/10/2005
Código do texto: T58414
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Day Moraes
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
137 textos (4782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 07:54)
Day Moraes