Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

às vezes... só

eu não posso fazer o que eu quero
pra me machucar mais uma vez,
eu não devo, mas espero
que você diga ao menos um talvez.

ando tão distraído por aí,
mas lembrei de coisas perdidas.
estou a tanto tempo aqui
esperando a volta de tua partida.

tenho a lua, tenho amigos,
tenho coisas que não deveria ter,
esqueci as coisas que tenho comigo
pra lembrar da saudade de você.

às vezes eu ainda vejo motivos,
às vezes fujo pra não sofrer,
de tudo que me atiram eu me esquivo,
só não suporto quando falam de você.

algo em mim ainda não mudou,
sinto que pra ti continuo o mesmo,
não há como conter tanta dor,
não há como esconder nossos medos.

já tentei mentir pra todos,
já tentei enganar você,
até quis tentar de novo, mas não sei,
como essas coisas podem acontecer.

escrevi tantas vezes pra ninguém,
vi tantas vezes a noite sozinho.
escondido, às vezes, chorei também,
assim, fui fugindo do caminho.

tenho tanto pra lembrar,
cada minuto foi eterno,
mas é como tentar controlar
o frio quando é inverno.

sinto falta de tudo que é teu,
do teu jeito de falar de mim,
de falar o que nunca esqueceu,
de falar que acha que não tem fim.

sorrir pode ajudar a continuar,
enganar-me e esquecer o passado,
mas não sei se vou ser capaz
sem você aqui do meu lado.
DJ
Enviado por DJ em 24/08/2007
Código do texto: T621483

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor, cidade e estado). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DJ
Jucás - Ceará - Brasil, 33 anos
86 textos (2325 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 00:22)
DJ