Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Agora sei...

Agora sei :
O corpo não acompanha o desatino da alma.
Ela está presa, furiosa, tenta ao deleite.
Mas a carne pede calma,
Por mais que aproveite.

Agora sei :
Já diziam – tudo é vaidade...
Mortal ,  somos , por natureza e passado.
Mistério, a dor da verdade.
Amargo o gosto do pecado.

Agora sei :
Antes não soubesse de nada.
Pois sem normas não existe pena.
Ai de minha alma condenada,
Pelo desejo que ainda teima.

Agora sei....


 




Valter Vargas
Enviado por Valter Vargas em 24/08/2007
Reeditado em 08/02/2008
Código do texto: T621732
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Valter Vargas
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil
36 textos (1214 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 10:50)
Valter Vargas