Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                             Andorinha.


              Luiz Claudio Bento Da Costa.


Voa andorinha
no azul infinito
meus olhos sentem
a sua liberdade.

Não sei se é a mesma
mas todos os dias
ela volta.

Voa andorinha
no azul infinito
meu coração sente
a sua liberdade.

As emoções são renovadas
ela vem mais forte
com o canto mais alto e mais bonito.

Voa andorinha
no azul infinito
meu corpo não tem asas
como a sua liberdade.

Voa andorinha
voa sim
no azul infinito
a sua natureza é linda
o meu poeta sente
a sua liberdade.

Voa andorinha
por suas asas da liberdade
onde escrevo a sua poesia.

Voa andorinha
voa sim
e um dia
vem me buscar.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 24/08/2007
Código do texto: T621958
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 55 anos
735 textos (26738 leituras)
1 áudios (177 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 01:20)
Condor Azul